Como ganhar dinheiro na Black Friday

Black friday: encontre as melhores ofertas

Chegada há seis anos no Brasil, a Black Friday promete trazer descontos imperdíveis para você.

Fazer um bom negócio na hora de comprar é o sonho de todo consumidor que deseja muito alguma coisa, mas não quer que o bolso fique vazio por causa disso. Pensando nisso e em alavancar as vendas, o comércio varejista faz todo tipo de promoção, que começa na volta às aulas e termina só no Natal.

Os consumidores dos Estados Unidos também gostam de oferta e de descontos e, com isso, foi criada a Black Friday, associada a um dos feriados mais tradicionais por lá – o Dia de Ações de Graça. 

Quer saber como conseguir as melhores ofertas na Black Friday? Então continue lendo o nosso post e fique por dentro de tudo o que vai precisar para curtir promoções e preços baixos.

Lembrador Méliuz

Índice:

O que é a Black Friday?
A Black Friday no Brasil
Ofertas da Black Friday: como aproveitar o que há de melhor no dia
Frete na Black Friday
Os cuidados necessários na black friday
Números da Black Friday
Os desafios da Black Friday
As lojas da Black Friday
Os produtos mais procurados durante a Black Friday
As categorias que participam da Black Friday
Curiosidades sobre a Black Friday
Esquenta Black Friday
Cyber Monday
Ressaca Black Friday
Como ganhar dinheiro na Black Friday

O que é a Black Friday?

A Black Friday é uma data originada nos Estados Unidos. Ela acontece na sexta-feira depois do dia de Ação de Graças, que é o feriado mais importante para o país — mais importante até mesmo que o Natal!

A Black Friday é comemorada na última sexta-feira do mês de novembro e é a data de maior movimentação do varejo dos Estados Unidos. Sua origem é incerta, mas o que vale a pena conhecer são os preços incríveis que ela oferece.

Algumas lojas chegam a dar 80% de desconto durante a Black Friday e, com isso, muita gente encara o período como uma ótima oportunidade para comprar os presentes de Natal. Praticamente todas as lojas – das menores até as grandes varejistas – participam da Black Friday.

Como o feriado de Ação de Graças é muito popular, essa é facilmente uma das datas mais movimentadas do comércio nos Estados Unidos, jogando nas alturas o faturamento das empresas participantes.

indique-e-ganhe-meliuz

A Black Friday no Brasil

Apesar de ter sido criada nos Estados Unidos por estar ligada ao Dia de Ação de Graças, a Black Friday despertou uma certa invejinha em outros países que também aderiram aos preços baixos para atrair clientes. Canadá, Brasil e México entraram na onda e, na Black Friday, praticamente todas as lojas fazem grandes promoções e algumas chegam a abrir mais cedo.

Aqui no Brasil, a “sexta-feira negra” foi comemorada pela primeira vez em 2010, de maneira tímida e totalmente online. O conceito ainda era muito novo e as pessoas achavam que se tratava apenas de uma promoção comum. Nos anos seguintes, a data continuou acontecendo e, inclusive, surgiram novas regras para garantir os direitos dos consumidores e evitar falsos descontos.

Com o tempo, lojistas e consumidores entenderam que a Black Friday é uma data diferente, onde os descontos devem ser (e são) muito maiores que os praticados durante o ano, mesmo em ocasiões especiais.

Se antes a data só acontecia de verdade no e-commerce, com o passar do tempo as lojas físicas têm adotado cada vez mais a prática. Atualmente, na última sexta-feira de novembro, a grande maioria das lojas oferece ofertas incríveis para quem quer aproveitar a Black Friday para economizar.

Ofertas da Black Friday: como aproveitar o que há de melhor no dia

Melhores ofertas da Black FridayA Black Friday traz ofertas imperdíveis e, afinal, quem é que não gosta de um desconto? Para conseguir comprar o que você deseja, com uma condição única no ano, vale a pena ficar atento às dicas abaixo:

Faça uma wishlist

Uma wishlist é a sua lista de desejos e deve conter todos os itens que você quer comprar nesse momento. Pode ser uma TV, um celular novo ou mesmo algo para a casa. Seja como for, deixe tudo organizado em uma lista. Isso vai te ajudar a manter o foco e também vai evitar que você se esqueça de comprar algo que você queria muito.

Prepare o orçamento

Sabendo quando a avalanche de descontos vai surgir, prepare seu orçamento para aproveitar as ofertas da Black Friday. Se for pagar à vista, junte dinheiro para o grande dia. Se for pagar no cartão, garanta que o limite esteja disponível. Coloque na ponta do lápis todos esses gastos para depois não ficar apertado por causa das compras.

Pesquise diferentes lojas

Não é porque as lojas estão oferecendo desconto que o preço praticado é o mesmo em todas as opções. Mesmo nesse período, a variação de um mesmo produto pode ser grande entre uma loja e outra, por isso você deve sempre pesquisar antes de comprar.

Se na correria da Black Friday parece ser impossível buscar o que você precisa com calma, então comece a sua pesquisa antes da data. Veja em quais lojas os itens estão mais baratos e selecione duas ou três para servir de base na hora da compra. Aquela que estiver com as melhores condições será a ideal para que você compre com economia!

Comece as compras o quanto antes

É importante saber o que você mais quer ou o que é mais indispensável para comprar na Black Friday. Acredite, a data é caótica até mesmo no mundo virtual, então você vai precisar começar a comprar o quanto antes.

Normalmente, antes mesmo da meia noite de sexta-feira, os principais sites ficam com uma espécie de fila de espera virtual para que os clientes possam aproveitar as ofertas. Se não quiser perder o seu produto, se prepare para começar bem cedo.

Aproveite a Black Friday Méliuz

O Méliuz é o maior programa de recompensa do Brasil e, é claro, não poderia ficar de fora da Black Friday. Para ganhar ainda mais, você deve participar da Black Friday Méliuz, onde parte do dinheiro que você gasta com as suas compras volta para você gratuitamente. Com esse empurrãozinho, as ofertas ficam ainda mais imperdíveis e cabem no seu bolso.

Frete na Black Friday

Quando o assunto é compra online, muita gente fica em dúvida se vale a pena por causa do frete. Na Black Friday, entretanto, a perspectiva é um pouco diferente. Existem três situações.

Em primeiro lugar, durante a data, muitas lojas oferecem frete grátis e troca gratuita como parte de seu atendimento. Isso garante economia e permite que você gaste com os produtos que realmente quer — e que estão com desconto nesta data.

Há também a possibilidade de o frete ser grátis de acordo com o valor da compra. Com mais ofertas, é bastante comum gastar um pouco mais e, com isso, atingir o valor mínimo para garantir a entrega gratuita.

A terceira possibilidade é quando o frete existe e não tem jeito de se livrar dele. Nesse caso, uma forma de aproveitar a Black Friday sem precisar gastar tanto dinheiro com a entrega é concentrando as compras em alguns sites. Quanto mais itens você compra, mais diluído fica o frete, já que muitas vezes o valor é único ou varia muito pouco com o acréscimo de vários itens.

Ao mesmo tempo, vale a pena ficar de olho: como a logística muda com o aumento de pedidos, algumas lojas mudam as empresas de entrega. Quando isso acontece, o preço do frete pode disparar e fazer com que a oferta não seja assim tão mais vantajosa.

Para não errar, calcule sempre o valor total do pedido, incluindo o frete, para saber se realmente vale a pena aproveitar a oferta. Em alguns casos, é possível conseguir ofertas melhores ao utilizar cupons que estejam disponíveis e que ofereçam descontos no frete e não na oferta em si.

Os cuidados necessários na black friday

A Black Friday é dia de ofertas e de pagar barato? É! Mas também é dia de se preocupar com golpes e fraudes que podem surgir nessa data. Encantadas pelos descontos, muitas pessoas pagam mais do que um produto vale ou ficam sem receber a compra tão desejada. Para não se arrepender das compras feitas durante a Black Friday, é importante tomar alguns cuidados:

Cuidado com a metade do dobro

Black Friday é época de descontos, mas você precisa levar em conta que nem todo desconto é uma economia real. Mas como assim? Uma prática que é comum entre algumas lojas é aumentar progressivamente o preço nos dias anteriores à Black Friday e, no dia, oferecer um desconto que retorne ao preço original.

Imagine uma peça de roupa que custa originalmente R$150. Uma loja que faz essa prática vai aumentando preço pouco a pouco e passa para R$180, R$240 e, quando você vê, o valor chega a R$300. No dia da Black Friday, anunciam um “desconto” de 50% que equivale ao mesmo valor que você pagaria em dias normais.

Para não cair nessa, a dica acompanhar os preços desde já para que na grande sexta-feira você saiba se é uma oferta de verdade ou não.

Lojas confiáveis são as melhores pedidas

Poucas coisas são tão ruins na hora das compras quanto pagar por um item diferente do que você comprou, que vem com defeito ou que simplesmente não chega até a sua casa.

Isso acontece principalmente com aquelas lojas nada confiáveis, que prometem produtos que não estão em estoque ou que sequer são empresas de verdade. Depois que o golpe acontece é difícil rever e, como você não quer sair no prejuízo, é melhor dar preferência para as lojas mais confiáveis e com credibilidade.

Mesmo que o valor seja um pouco mais elevado em uma loja maior, ela é mais segura e você tem mais garantia de que vai receber sua compra do jeitinho que imaginou.

Se parece bom demais para ser verdade…

A Black Friday é um dia de descontos, mas não é dia de milagres. Um desconto de 70% em muitas peças é totalmente aceitável, porque os lojistas se preparam para isso. Mas se um item custa R$ 5.000 e, na Black Friday aparece por R$ 200, provavelmente tem algo de errado.

Ao se deparar com uma oferta que parece boa demais para ser verdade em um site que não seja confiável, as chances de ela não ser real são grandes — melhor gastar o seu dinheiro com ofertas Black Friday realmente imperdíveis e de verdade.

Números da Black Friday

Números da Black FridayEm 2015, dados mostram que nos Estados Unidos os consumidores gastaram quase 68 bilhões de dólares. Somente no dia da Black Friday em si, foram 100 milhões de compradores em comparação aos 87 milhões de 2014.

Em outros países, o fenômeno também acontece. No Reino Unido, por exemplo, a chegada da Black Friday aumentou em 169% o número de compras online. Na Suécia, Rússia e Espanha, o volume de compras nesse período é duas vezes maior do que em outros dias.

No Brasil, em 2015, mesmo com a crise econômica, a Black Friday gerou mais de R$ 1,5 bilhão em vendas. O aumento no faturamento foi de 57% em relação ao ano anterior, com mais de 3 milhões de pedidos efetuados. O ticket médio dos clientes foi de R$ 492, representando um aumento de 18% em relação ao ano anterior.

Para 2016, a projeção continua bastante otimista: espera-se que a data aumente em 34% o faturamento, chegando ao valor de R$ 2 bilhões em vendas. Para o número de pedidos, a expectativa é chegar a 4 milhões em todo o país, em lojas físicas e virtuais. Já em relação ao ticket médio, espera-se que o valor chegue a R$ 500 nesse ano.

Como no Brasil a realização da Black Friday ainda é recente, dá para esperar muito mais vindo dessa data, com cada vez mais ofertas e descontos ao longo dos próximos anos, incluindo no 2016.

Os desafios da Black Friday

Com a crescente popularidade da Black Friday, alguns pontos precisam ser bem trabalhados para garantir que o processo seja fácil e ocorra sem nenhum trauma. Se por um lado na compra online você não precisa encarar o empurra-empurra, por outro há desafios como:

Congestionamento de sites

Nas primeiras edições da Black Friday era muito comum que os sites, mesmo os das grandes empresas, ficassem fora do ar ou completamente congestionados. Eram páginas que não carregavam ou, quando abriam, não permitiam a finalização da compra.

Hoje, boa parte das lojas já se preparam para receber um fluxo muito maior de clientes e contam com bons servidores. Porém, a queda não pode ser totalmente evitada e, às vezes, acontece de aquele site, no qual você queria comprar, cair.

Nessas horas, não tem jeito: só muita paciência e atualização de página vão permitir que você entre no site. Se for o caso, pegue seu lugar na fila de espera de acesso para poder fazer compras à vontade.

Produtos que esgotam antes da compra

Com todo mundo querendo aproveitar as ofertas da Black Friday é muito comum que os produtos se esgotem antes que você consiga comprá-los — e depois que eles acabam não há como aproveitar as ofertas. Para que isso não aconteça, além de seguir a dica anterior de começar as compras o quanto antes, você pode fazer a boletagem. Funciona assim: você emite o boleto do produto em oferta e decide, até o prazo, se vai pagar ou não. Com o boleto emitido, a empresa é obrigada a garantir que você receba o produto caso faça o pagamento, então você não perde o item caso ainda esteja em dúvida.

Prazo de entrega

A logística das empresas muda completamente durante a Black Friday. O volume de pedidos aumenta e, muitas vezes, é necessário fazer mudanças e adaptações para conseguir dar conta de tudo. Um dos principais afetados tende a ser o estoque e a disponibilidade, que pode não ser imediata. Mesmo no caso de produto disponível, pode acontecer de o tempo do frete ser maior devido ao volume acumulado de transações.

Com isso, uma das grandes dificuldades é o prazo de entrega, que tende a ser estendido nessa data e que, em alguns casos, pode fazer com que os produtos não cheguem nem mesmo para o Natal. Para não encarar frustrações, busque saber o prazo de entrega antes de efetuar a comprar. Se quiser o produto em mãos o quanto antes, opte pelo frete expresso.

Os direitos do consumidor na Black Friday

Na hora de fazer as compras na Black Friday, saiba que seus direitos estão garantidos da mesma forma que acontece em uma compra física e/ou fora desta data especial. Quem compra pela internet, por exemplo, tem o direito de arrependimento. Até 7 dias úteis após a compra, o cliente pode se arrepender e receber o dinheiro de volta sem precisar de qualquer justificativa.

Também é direito do consumidor não ser enganado por uma propaganda que não corresponda à realidade. Se o item é anunciado como em estoque ou em determinado tamanho, deve ser entregue segundo as características do anúncio. Mesmo que o pagamento do boleto seja realizado após o encerramento da Black Friday, se ele for pago dentro do prazo, a loja precisa aceitá-lo. Além disso, é proibido cobrar valores superiores àqueles anunciados. 

Se o produto tiver algum tipo de defeito, é garantido o direito de troca ou conserto dentro de um período de 30 diasMesmo em uma situação extraordinária como a Black Friday e com os preços bem menores, os lojistas continuam obrigados a cumprir com todas essas obrigações. Então, fique de olho para exigir os seus direitos.

As lojas da Black Friday

Se no começo da Black Friday eram apenas 50 lojas participantes, hoje o evento conta com algumas centenas espalhadas pelo país, de diferentes tipos e tamanhos. Para fazer as compras do jeito certo, nada melhor do que algumas indicações certeiras, não é mesmo?

Dentre as melhores opções para garantir você faça suas compras com desconto reais e não tenha problemas com o produto ou entrega, estão:

Walmart.com

O Walmart.com é uma loja de departamento muito conhecida na Black Friday dos Estados Unidos. Há produtos para a casa, itens de tecnologia, para o carro e muito mais.

Netshoes

A Netshoes é a maior vendedora de artigos esportivos de todo o mundo. Lá você encontra desde tênis para ir à academia até opções de roupas e acessórios casuais.

Saraiva

Com mais de 3 milhões de itens, a Saraiva não é só uma livraria, mas também oferece games, CDs, DVDs, itens de papelaria e mais.

O Boticário

Um dos líderes de mercado quando o assunto é cosmético e perfumes nacionais, O Boticário tem produtos para o corpo, maquiagem e para todos os gostos.

Sephora

A Sephora, que detém o título de maior rede de produtos de beleza, está espalhada em todo o mundo e oferece o que há de melhor em produtos nacionais e importados.

Adidas

A Adidas é uma das mais conhecidas e utilizadas marcas esportivas de todo o mundo. É possível encontrar desde itens perfeitos para a prática de atividade física até roupas com estilo.

Casas Bahia

Uma das mais populares lojas de móveis e eletrodomésticos do Brasil, a Casas Bahia também oferece computadores, celulares e produtos diversos com preços atrativos.

Quer mais opções? Então você pode escolher também entre Submarino, Americanas, Extra, Shoptime, Zattini, Ponto Frio, Centauro, Ricardo Eletro e até mesmo Hoteis.com, Uber e Aliexpress.

Os produtos mais procurados durante a Black Friday

Produtos mais procurados na Black FridayO levantamento realizado pela E-bit mostrou que, em 2015, os produtos mais pedidos foram os eletrodomésticos, especialmente os de linha branca. Eles representam mais de 17% do total. Já a parte de telefonia e celulares ficou logo atrás, seguido pelos produtos eletrônicos. Com cerca de 9% da preferência do público cada um, ficaram em quarto lugar os setores de moda e acessórios e de informática.

Com isso, dá para perceber que o interesse do brasileiro tem  sido por produtos que envolvem tecnologia. O motivo é simples: ao longo do ano, os preços não são assim tão amigos. A chegada da Black Friday, por outro lado, passa a ser um ótimo momento para comprar uma geladeira nova ou trocar, finalmente, a televisão da sala.

As categorias que participam da Black Friday

Embora os produtos mais comprados fiquem dentro dessas cinco categorias, a verdade é que muitas outras participam dessa data especial, o que garante produtos interessantes para todos os públicos, necessidades e bolsos. As opções mais badaladas incluem:

Alimentos e bebidas

Quem acha que alimentos e bebidas não entram nessa data está enganado. As grandes varejistas podem oferecer descontos especiais em vinhos e cervejas, por exemplo. Lojas especializadas no assunto, como de produtos importados ou voltados para esse gênero, também aproveitam e oferecem descontos imperdíveis.

Animais e pets

O mercado de pets é um dos que mais crescem no Brasil. Com mais de 70 milhões de cães e gatos, os produtos disponíveis vão desde rações e tratamentos até itens como camas e roupinhas especiais para o melhor amigo.

Assinatura e serviços

Os serviços de assinatura não vendem um único produto de uma vez, mas nem por isso ficam de fora da Black Friday. Planos promocionais surgem nessa data para atrair novos clientes e para manter quem já é assinante, assim como descontos e ofertas. Que tal aproveitar para conhecer um novo serviço com um preço mais amigo?

Automotivo

Pneus, lubrificantes, baterias, ferramentas para o carro… tudo isso é necessário para garantir que os veículos continuem funcionando perfeitamente, mas nem sempre o preço é atrativo para os motoristas. Com as ofertas da Black Friday, tudo muda e dá para adquirir itens de qualidade por um preço bem mais em conta.

Bebês e crianças

Bebês e crianças em geral têm diversas necessidades. É papinha para cá, fralda para lá, sem falar nos brinquedos e jogos da moda. Como esse público é grande, a categoria não poderia ficar de fora da Black Friday. Nesse caso, dá para comprar até os presentes de Natal das crianças com condições incríveis!

Beleza e saúde

Para quem não quer descuidar da beleza, a data oferece ótimos produtos com valores muito atrativos. Maquiagens, perfumes, produtos para o cabelo e itens para a pele são vendidos com descontos especiais, inclusive os importados. Quanto à saúde, dá para conseguir descontos em remédios, suplementos e tratamentos em muitas lojas especializadas.

Celulares e Smartphones

Com o número de smartphones no Brasil ultrapassando a casa dos 160 milhões, é seguro dizer que o brasileiro ama estar conectado com família e amigos com apenas alguns toques. Com o preço mais elevado ao longo do ano, as ofertas da Black Friday para celulares são verdadeiras pechinchas para muitos produtos de qualidade e alta tecnologia.

Eletrodomésticos

Quem é que não quer ter uma casa bonita, moderna e funcional? Indo desde a geladeira até itens que ajudam na cozinha e na casa em geral, os eletrodomésticos fazem parte da lista de desejos de muita gente. Como muitas lojas brasileiras são focadas nesse nicho, as oportunidades na Black Friday são imperdíveis.

Eletrônicos e Tecnologia

Nem só de smartphones vive o consumidor brasileiro. Também há tablets, câmeras, computadores desktop, notebooks, ultrabooks, televisões inteligentes, carregadores e todo tipo de acessório para dar conta de tantos itens. Os eletrônicos aparecem em peso na Black Friday e oferecem grandes descontos para quem procura ótimos negócios.

Esporte e Lazer

Praticar esportes com segurança exige os equipamentos certos. Tênis são o mais básico dos equipamentos e há opções como cordas de segurança, mochilas de transporte e até mesmo bicicletas e skates. Com a Black Friday dá para surfar na onda dos preços baixos e se jogar em novas aventuras sem pesar no bolso.

Flores e Presentes

Mandar um belo arranjo de flores pode ser um gesto de carinho, gentileza ou até mesmo de desculpas. Melhor ainda se for com desconto e na Black Friday isso é possível – inclusive mandar flores de outra cidade. Os presentes também entram na conta e vão desde ursinhos de pelúcia e objetos fofos até lembranças divertidas, originais e que saem mais baratas na data.

Informática

Itens de informática incluem desde os computadores em si, sejam eles estilo desktop ou notebook, até seus acessórios – fones de ouvido, webcam, cabos, adaptadores e todo tipo de item que melhore a experiência entram na conta desse setor. Assim, durante a Black Friday, dá para adquirir produtos originais, de qualidade e com preços muito atrativos para deixar tudo funcionando perfeitamente.

Jogos

Grandes títulos de games lançados dentro e fora do Brasil são vendidos durante a Black Friday por preços muito atrativos. Há opções para Xbox 360, PlayStation 4 e outros consoles para ninguém ficar de fora de uma partida cheia de diversão.

Livros, CDs e DVDs

Ainda espaço para livros, CDs e DVDs dos mais diversos gêneros, indo desde as grandes obras clássicas até o lançamento do momento. Além disso, com a internet, é possível encontrar opções voltadas para quem consome conteúdo digital. O melhor de tudo é que durante a Black Friday fica ainda mais barato ouvir a música do seu artista favorito ou reler um livro que te marcou.

Loja de Departamentos

Uma das grandes estrelas da Black Friday é o setor de loja de departamentos. Reunindo algumas das maiores lojas do Brasil, essas opções oferecem de tudo um pouco: de comida a jogos, de eletrodomésticos a eletrônicos portáteis e roupas. Essa é uma opção especialmente conveniente porque com negociações melhores, conseguem descontos ainda mais incríveis para a Black Friday.

Moda e Acessórios

O cuidado com a aparência também se estende à moda e seus acessórios. Seja a moda esportiva para a academia, a moda casual para o cotidiano ou a moda de gala para eventos mais tradicionais, é possível encontrar peças com ótimos preços e qualidade melhor ainda. Inclusive, grandes grifes também entram nessa moda e oferecem peças que são tendência por preços inacreditáveis.

Móveis, Casa e Decoração

A entrada do setor de produtos para a casa na Black Friday é mais recente, mas veio com tudo. Hoje, é possível encontrar móveis, como sofás, camas e poltronas com ótimas ofertas. Como ninguém é de ferro, também dá para dar um toque personalizado na casa com itens de decoração como almofadas, adesivos e quadrinhos de todo o tipo e que estão em alta.

Viagem e Turismo

Viajar cria ótimas memórias e pode transformar a vida de quem parte. Para tanto, é preciso pensar em fatores como hospedagem e transporte, o que fica muito mais fácil com os preços das ofertas Black Friday.

Curiosidades sobre a Black Friday

Além de permitir que consumidores de todo o mundo economizem, literalmente, bilhões ao longo de sua duração, a Black Friday ainda tem algumas curiosidades sobre sua origem e funcionamento. Dentre os pontos mais interesses estão:

  • Apesar de o nome “Black Friday” ter sido originado, ainda no século XIX, devido à quebra de diversos investidores, ele ganhou novo significado a partir de 1980, quando o preto passou a se associado a resultados positivos — afinal, os resultados negativos de um negócio normalmente aparecem em vermelho.
  • A primeira Black Friday do Brasil não aconteceu junto com a dos Estados Unidos e nem foi em novembro. Na verdade, ela aconteceu em 28 de outubro de 2010.
  • Devido à grande quantidade de fraudes que ocorreu nas primeiras vezes, o Procon criou uma lista negra com sites que não são confiáveis para a compra. Olho vivo!
  • Em 2015, as compras via mobile na Black Friday no Brasil representaram  9% de todas as transações e a tendência é que esse número continue crescendo.
  • Um dado curioso de 2014 mostrou que 12% dos consumidores norte-americanos entrevistados disseram fazer as compras bêbados. Isso se deve ao fato de que por lá a quinta-feira anterior à Black Friday é feriado e o dia de Ação de Graças é data de muita comemoração.
  • O dia só foi se tornar o mais intenso de comprar nos Estados Unidos em 2001, apesar de a data existir há algum tempo.

Esquenta Black Friday

A Black Friday é esperada com ansiedade por quem sabe que esse é um ótimo momento para economizar sem esforço. Porém, algumas lojas decidem tornar o período de promoção mais longo e antecipam as promoções — o chamado Esquenta Black Friday.

Geralmente as ofertas são com preço de Black Friday, mas se aplicam apenas a produtos selecionados. No geral, é uma boa opção para quem não quer ou não pode esperar até o final do mês e, mesmo assim, quer economizar na hora de fazer a compra.

O interesse do e-commerce nesse tipo de oferta é que é possível dar uma movimentada no faturamento e conseguir compras extras. Quando chega a Black Friday, muita gente que comprou no Esquenta, também acaba comprando na promoção.

Para o consumidor, essa é uma opção e tanto. Com tanta gente aguardando a Black Friday, aproveitar as ofertas do Esquenta pode ser mais fácil e menos trabalhoso, afinal é preciso encarar menos desafios para ter o produto que você deseja!

Cyber Monday

Toda segunda-feira é ruim? Não é bem assim! Na Cyber Monday você pode continuar economizando e comprar aquilo que deseja com ótimos descontos. Essa data, também conhecida como segunda-feira cibernética, é a que acontece logo após o feriado de Ação de Graças.

Todo mundo voltando para a casa e ao trabalho, nos Estados Unidos, então por quê não aproveitar uma promoção para levantar o ânimo? Com o uso cada vez maior da tecnologia, essa tendência também tem chegado ao Brasil.

A grande diferença dessa data para a Black Friday é que a Cyber Monday acontece exclusivamente online. Além disso, os descontos não são tão vantajosos quanto os da Black Friday, mas são ótimas opções para quem não conseguiu comprar na sexta-feira.

Diferentemente do que o nome possa sugerir, nessa data, as ofertas não são exclusivamente de produtos de tecnologias. Essa é uma opção conveniente para continuar comprando de forma barata e para continuar aproveitando os descontos. Juntando a Black Friday com a Cyber Monday é possível deixar de gastar uma considerável quantidade de dinheiro na hora de fazer compras.

Ressaca Black Friday

Depois de um feriado como o dia de Ação de Graças é normal que os norte-americanos sintam-se ressaqueados por terem curtido o feriado. Com a Black Friday acontece mais ou menos a mesma coisa: depois de tantos descontos, compras e pedidos, rola aquela sensação de ressaca.

A diferença é que quem ganha com a Ressaca Black Friday é você. O motivo é que essa ressaca acontece devido à sobra de produtos ainda em estoque. Mesmo com tantas vendas, não é incomum ter itens que ficaram “encalhados”.

Como o Natal vem logo depois, é de interesse dos lojistas escoar esse restinho de estoque para ter espaço para os novos produtos. Para isso, eles usam ofertas ainda mais apelativas para que elas se tornem verdadeiramente irrecusáveis. Assim, é comum que nesse período de ressaca os produtos fiquem ainda mais em conta.

Mas atenção: a ressaca não oferece qualquer garantia e ela pode não acontecer para o item que você deseja. Se você quer comprar produtos muito populares é possível que o estoque tenha se esgotado ainda na sexta-feira ou mesmo na Cyber Monday.

Por outro lado, se você está em busca de um produto que não é tão procurado assim, provavelmente conseguirá ofertas ainda melhores nesse momento.

Como ganhar dinheiro na Black Friday

Como ganhar dinheiro na Black FridayComo na Black Friday as lojas fazem ofertas especiais para que você possa fazer o melhor negócio, não é possível utilizar os famosos cupons de desconto. Mas e se você descobrisse que há outra oportunidade de ganhar dinheiro — sim, ganhar! — durante a Black Friday? Pois saiba que o Méliuz pode oferecer esse modo exclusivo para você.

Apesar de valer o ano inteiro, o cashback (devolução de parte do dinheiro gasto em compras) é ainda mais interessante durante a Black Friday. Funciona assim: você se cadastra gratuitamente no Méliuz, procura a loja que deseja dentro da plataforma e faz a compra normalmente. Após a conclusão, o valor a ser recebido aparece em seu extrato no Méliuz como pendente. Quando a loja confirma o pagamento, o saldo é aprovado e, ao completar R$ 20 em sua conta do Méliuz, você pode solicitar o resgate e receber a grana direto na sua conta bancária, sem pagar nada por isso.

Não se trata de desconto, nem promoção ou algo limitado, mas sim de uma chance imperdível de ganhar dinheiro em todas as compras que você fizer. Quanto mais você comprar, mais você vai ganhar. Além do Méliuz te ajudar a descobrir promoções mais facilmente e te dar suporte e segurança ao comprar, ele também oferece a vantagem de devolver parte do seu dinheiro.

Para entender melhor, imagine que você compre um presente de R$ 250 na O Boticário. Com 4% de cashback, você ganha de volta R$ 10. Com isso, a compra sai, na verdade, por R$ 240, sendo uma diferença de quase 5% em cima de um preço que já está mais baixo.

Foi no site da The Beauty Box e comprou R$ 100 em produtos? Então você vai receber R$ 5 só de fazer a compra passando pelo site do Méliuz.

Quem for na Centauro também recebe 5% de cashback e uma compra de R$ 200 rende R$ 10 de dinheiro de volta. Nas Casas Bahia, o cashback é de 2% e se você comprar um armário de R$ 999 vai ter de volta quase R$ 20.

Comprou uma coletânea de livros por R$ 300 na Saraiva? Então você vai receber R$ 7,50 de volta. No Extra, uma compra de R$ 200 te retorna R$ 4. No Ponto Frio, a compra de R$ 150 vai te render R$ 3.

E para fechar o dia, nada melhor que uma boa cerveja. No Empório da Cerveja, você tem 5% de cashback e, por isso, uma compra de R$ 200 vai permitir que você tenha de volta R$ 10. Com esses retornos, você vai ter juntado exatos R$ 69,50 — e sem precisar fazer nada além de um cadastro bem simples. Quer coisa melhor do que comprar e ainda ganhar com isso?

Para aproveitar as melhores ofertas da Black Friday você deve começar a se preparar desde já, fazendo a sua lista e começando a pesquisar os preços. Na hora da compra, não se esqueça dos cuidados de segurança que vão garantir que você tenha uma experiência inesquecível.

Depois da Black Friday, ainda tem a Cyber Monday e a Ressaca da Black Friday. Em todos esses momentos, conte com o cashback do Méliuz para não apenas economizar, mas receber seu dinheiro de volta a cada compra! Vai perder?

Nessa Black Friday o que você pretende comprar? Qual sua estratégia? Aproveite e conte para a gente nos comentários! Para aproveitar ainda mais as ofertas da Black Friday, veja o que é cashback e como usar.